Avanço dos robôs abre espaço para profissionais bons de raciocínio

Avaliação:

(0 Avaliações)

Por Redação SA Varejo -

Ter criatividade e "fazer acontecer" são características fundamentais para o futuro do emprego

“Se um robô pode fazer uma tarefa, ele vai fazer. E fará melhor, mais rápido e com maior desempenho do que o homem”. A afirmação é de Guilherme Thiago de Souza, gerente de engenharia e desenvolvimento da empresa de robótica industrial Roboris do Brasil . Trata-se de uma constatação: diferentemente das revoluções tecnológicas anteriores, nas quais a tecnologia complementava o trabalho humano, o cenário atual é de total substituição do homem pela máquina em diversas funções.

Se por um lado essa transformação acaba com empregos, por outro faz com que se tornem disputados profissionais com características como alta capacidade de raciocínio, boas faculdades cognitivas e facilidade para colaboração. Isso porque a maioria das tarefas executadas por robôs são repetitivas, para as quais não há necessidade de criação. 

Segundo Guilherme Thiago de Souza, da Roboris do Brasil, o emprego do futuro é do profissional que se reinventa a todo momento. "A máquina não vai conseguir tomar a motivação, o sentido, o conhecimento. Precisamos tirar as coisas do papel e implementar, fazer acontecer na prática", aconselhou durante apresentação no seminário O Futuro do Emprego e o Emprego do Futuro, iniciativa da Folha, patrocinada pelo Senai e pelo Sebrae.   

Quer ter acesso a mais conteúdo exclusivo da SA Varejo? Então nos siga nas redes sociais:   LinkedIn Instagram  Facebook  !

 

 

Fonte: Folha de S. Paulo

Comentários

Comentar com:
Publicidade

Guia de Sortimento

Navegue por todas as seções para obter informações sobre o desenvolvimento de categorias e sobre as marcas e fornecedores mais bem avaliados:

BUSCAR
Publicidade